Professores já podem pegar o exclusivo Caderno de Anotações ADUFEPE 2020

Já está disponível na sede da Associação dos Docentes da Universidade Federal de Pernambuco o Caderno de Anotações 2020. O material exclusivo foi preparado pela nossa equipe de comunicação para auxiliar na organização da rotina de trabalho dos filiados e filiadas.

Ilustrada, a agenda relembra as principais atividades e conquistas da entidade, bem como os serviços oferecidos, reforçando a luta em defesa dos direitos dos trabalhadores.

“A Diretoria da ADUFEPE, consciente da grave crise político-econômica e social instalada no Brasil após 2016 – com repercussões sobre os direitos dos cidadãos, incluindo servidores públicos e de Instituições Federais de Ensino Superior (Ifes) – buscou articular-se com os diferentes segmentos da sociedade civil e desenvolveu um conjunto de atividades para criar uma força política capaz de vencer os ataques cotidianos do Governo Federal. A conjuntura nacional é difícil, pois o atual governo considera a educação, em particular as universidades, como um peso para o poder executivo, orientando-se pela premissa da perda de dinheiro e sem o entendimento que se trata não apenas de uma diretiva constitucional, mas um direito dos brasileiros fundamental ao desenvolvimento do país”, pontuou a Diretoria.

Para 2020, a Associação se compromete a seguir combativa e firme em nome dos professores e professoras ativos e aposentados. “A ADUFEPE seguirá autônoma e perto dos docentes para defender, de forma incansável e assertiva, os profissionais que fazem a história da UFPE e norteiam a construção da universidade pública”.

COMO RECEBER – Para receber o Caderno de Anotações, basta que o sindicalizado procure a sede da ADUFEPE, na Avenida dos Economistas, na UFPE, campus Recife. O material também será disponibilizado para os professores do Centro Acadêmico do Agreste (CAA) e de Vitória de Santo Antão (CAV).

 

Um comentário em “Professores já podem pegar o exclusivo Caderno de Anotações ADUFEPE 2020

  • 6 de janeiro de 2020 em 16:55
    Permalink

    Parabéns! O mínimo esforço no contexto do Brasil atual, requer reconhecimentos.
    Vamos continuar de mãos dadas….vigilantes em favor dos direitos humanos para todos os injustiçados …
    Hulda Vale

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *