Docentes da UFPE aderem à paralisação do dia 30 de junho

Para reverter as reformas e conseguir eleições diretas, docentes
da UFPE se unem aos trabalhadores de todo o Brasil

Reunidos em assembleia na manhã desta quarta-feira (21) os docentes da UFPE aprovaram adesão à Greve Geral (paralisação) do dia 30 de junho. Assim, a categoria confirma sua participação junto aos trabalhadores de todo o país. A data para a paralisação de 24h foi um indicativo das centrais sindicais para ser referendada pelas categorias.

Outras atividades de protesto serão agendadas conforme recomendação das centrais. A assembleia, presidida por Augusto Barreto, também aprovou uma reunião do comitê de mobilização a ser realizada no dia 28 de junho. Antes da votação, o presidente da ADUFEPE informou que a diretoria é favorável à adesão e as representações nacionais (ANDES e Proifes) também. Nos informes, os docentes discutiram a conjuntura nacional e convocaram os presentes a fortalecer o ato.

A Greve Geral (paralisação) de 30 de junho é a segunda deste ano e, diferente da primeira realizada no dia 28 de abril, protestará também pela saída de Michel Temer do governo e pelas Diretas Já, além das reformas previdenciária, trabalhista e terceirização.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *