CAp realiza Simpósio de Educação Básica

A ADUFEPE apoiou a iniciativa e o lançamento de livro que compila memórias
de docentes e estudantes do Colégio

Nos dias 5, 6 e 7 de dezembro, o Colégio de Aplicação da UFPE (CAp-UFPE) promoveu o  “Simpósio de Educação Básica da UFPE” com o tema “Aprendizagens em tempo de mudanças”. No ano em que o colégio comemora 60 anos de história, o evento teve como objetivo proporcionar o diálogo das diversas vivências e experiências entre os profissionais vinculados à Educação Básica.

A diretora da ADUFEPE, Zélia Porto, acompanhou a programação do evento. Ela comenta a importância dele para o debate atual. “Destacou-se a colaboração que o CAp tem prestado à sociedade tornando-se referência da oferta na Educação Básica. O simpósio constituiu-se num importante momento, ao pautar o debate e a crítica a temas atuais”. A ADUFEPE também contribuiu para o lançamento do livro “Memórias de formação do ser e do sentir” em comemoração aos 60 anos do CAp, lançado no dia 6 de dezembro (quinta-feira). “Trata-se de um conjunto de memórias de formação com a contribuição dos professores que atuaram e atuam nos distintos campos do saber para a formação de jovens e como campo de estágio para a formação de professores nas licenciaturas”, disse Zélia Porto.

Além de reviver experiências diversas, o evento debateu temas como a Base Nacional Curricular Comum (BNCC), a reforma do Ensino Médio, a conjuntura nacional e a liberdade de ensinar e aprender. Na quarta-feira (5), a programação foi marcada pelo lançamento do livro “Formação docente – o espaço escolar como campo de investigação e inovação pedagógica”, com mediação da professora Adriana Rosa. Já na quinta-feira (6), foi a vez da conferência “Universidade, Educação Básica e formação docente – desafios em tempos de mudança” com os professores Sérgio Ramos, do CAp-UFPE, e Alfredo Gomes, do CE. Ainda na quinta, a mesa redonda “A BNCC cabe nos espaços escolares?” contou com as professoras Marina Campos, do CAp-UFRJ, e Márcia Ângela, do CE. No último dia do evento, (7) a mesa-redonda “Os desafios da inclusão na Educação Básica”, contou com a participação da professora Maria Dolores Alves, da UFAl, e Antônio Henrique Moraes, da UNICAP.  Também foram promovidas mesas temáticas, mostras científicas, palestras e Fóruns de debate.

Confira o Livro “Memórias de formação do ser e do sentir”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *